SEX SHOP SexxyShop - A maior e mais completa sex shop virtual brasileira!
13 nov, 2017

Postado por em Hétero | 1 Commentário

Tenho um problema: Candidíase

Olá Gina… Parabéns pelo seu site, é maravilhoso!!!
 
Tenho algumas dúvidas, e aí pensei em perguntar para você!!! Há algum tempo atrás fui a ginecologista, porque eu estava com bastante corrimento. Ela me disse que era bactéria, fiz o tratamento completo e não adiantou!
 
Fui novamente nela, e então ela me disse que era Candidíase, fiz outro tratamento e mais uma vez não adiantou.
 
Entre esse tempo descobri que tenho uma ferida no colo do útero, mas não ia dar pra cauterizar enquanto o corrimento não parasse. Fiz um segundo tratamento que também não adiantou!
 
O intrigante é que antes de eu fazer o segundo tratamento para Cândida fiz uma Colonoscopia que deu ausência de fungos no local. Namoro à 2 anos e isso atrapalha a relação. Meu Namorado também já tomou um remédio para isso, já foi tratado.
 
O que pode ser? Se for mesmo Candidíase, qual o melhor tratamento e quais seriam as medidas a serem tomadas com a higiene?
 
Muito Obrigada e um grande beijo.
Olá Gina!
 
Tenho um namoro que está completando 8 meses. Nós nunca chegamos ao ato sexual completo (com penetração) mas já fizemos oral. O fato é que as vezes quando ele quer "brincar" eu invento umas desculpas como: não estou depilada ou a famosa dor de cabeça, quando na verdade minha cândida está atacada e eu fico com muita vergonha de contar. Como eu poderia tratar desse assunto com ele? Poderia me falar um pouco sobre as formas de contágio?
 
Beijos, admirações ao Blog!
Bem, hoje temos duas leitoras com o mesmo problema, a Candidíase.
 
Por se tratar de uma doença, mais uma vez eu ressalto que não sou médica nem tenho autoridade para medicar ou orientar algum tratamento, por isso minha principal dica é, PROCURE UM MÉDICO, e no caso de já ter procurado e não ter tido resultado, procure uma segunda opinião mudando seu ginecologista.
 
Agora, a Candidíese é uma doença facilmente transmitível, inclusive através de relações sexuais… então vamos falar um pouco sobre ela, afinal a informação é o primeiro passo para a prevenção.
 
Ela é uma infecção genital causada por um fungo chamado cândida albicans. Esse microorganismo geralmente se aloja na pele, na boca (sapinho), no estômago, no intestino e no órgão genital feminino. Os sintomas aparecem quando ocorrem alterações de imunidade. Cerca de 90% das mulheres podem ser infectadas pela candidíase vaginal, pelo menos uma vez na vida.
 
O que contribui para a infecção?
 
Gravidez , anticoncepcionais, menopausa, corticoídes, antibióticos, distúrbios endócrinos, má Higiene pessoal, roupa íntima de material sintético, relações sexuais e promiscuidade sexual.
 
Quais são os sintomas?
 
Coceira e sansação de ardência na vulva, corrimento vaginal branco espesso e aderente, inflamação vulvar com vermelhidão, algumas mulheres têm apenas uma leve irritação e coceira e grande desconforto durante a relação sexual.
 
Por isso, se você possui algum desses sintomas ou desconfortos, procure seu gineco.

 

Deixe seu comentário

Premium Wordpress Themes Free Wordpress Themes