SEX SHOP SexxyShop - A maior e mais completa sex shop virtual brasileira!
11 abr, 2019

Postado por em Contos Eróticos, Hétero | 17 Commentários

Louca por sexo

Olá queridos, hoje chegou mais um conto erótico por e-mail, se você tiver um bem bacana basta mandar para [email protected], delicie-se!

Se existe um bom motivo eu para perder a cabeça, esse motivo é sexo! Nada como uma paixonite aguda para dar muito mais sabor à vida e apimentar de vez minha busca incessante pelo prazer. E, desde que conheci um garotão de 20 aninhos, tarado, guloso e cheio de vontade, perdi as regras e os limites quando o assunto é uma boa transa. Com ele me despi dos preconceitos, medos e inseguranças decidi que na hora do sexo vale tudo.

Tudo mesmo, quando topo ir pra cama com um ou mais caras é pra valer, é pra entrega total, pra prazer meu e deles, sem qualquer tipo de restrição. Carícias amorosas e orgias convivem lado a lado. Erotismo e perversão na dose certa, uma mistura explosiva, que tem me levado a experimentar diversas formas de orgasmos. Como uma putinha no cio, topo ir além do óbvio, ultrapassar o gostoso papai e mamãe, descobertas, que me abriram dois caminhos prazerosos: o sexo anal e o oral.

Desde essa minha liberação, passou a existir uma espécie de atração fantástica entre minha boca e a ferramenta ostentada pelos homens entre as pernas. Quando tenho a oportunidade, me transformo numa verdadeira malabarista e chupo tudo, se possível até encontrar as bolas. Minha língua adestrada percorre gulosamente cada pedaço daqueles volumes que crescem a cada lambida e, duros enchem minha boca de tesão. É uma tara indomável. É como se minha libido subisse para língua, que ágil não desperdiça a possibilidade de degustar cada um deles.

Mas minhas qualificações sexuais não param por aí. Estou viciada em sexo anal. Peguei gosto pela coisa logo após a minha primeira pulada de cerca, quando descobri além do prazer anal a oportunidade de poder experimentar o sexo com outra garota. Aliás, ainda não tenho opinião formada, mas se for pela intensidade do prazer que sinto quando transo com alguma delas, não posso negar que fico desconcertada. Mas homem ainda é uma coisa que me faz derreter.

E, outro dia caminhando por um parque, perto de casa, não pude deixar de perceber que estava sendo observada por um garoto voyeur, muito bonitinho, sentado num dos bancos em volta da pista. Ele me despia com os olhos. Insistente acompanhava com o olhar todo meu trajeto. Safada, percebendo o interesse, resolvi abusar do rebolado, diminuindo o ritmo quando passava por ele. Essa jogo de olhares, cheio de insinuação e malícia me deixou excitada e não via a hora do cara se aproximar. Neste dia, estava vestida com o mesmo modelito que uso quando saio para caminhar: um jogging fatal, desses bem apertado e uma camiseta também justa, delineando bem meu corpo.

Num primeiro momento ele se contentou apenas em ficar olhando, mas depois de um tempo resolveu andar e ao chegar ao meu lado, discretamente, disse que pelo meu ritmo eu estava em excelente forma. Sorri e, o convidei para me acompanhar. Percorremos mais um trecho e depois de falarmos uma série de amenidades, ele perguntou se eu não queria ir até um local mais discreto tomar um suco ou uma água.

Eu maliciosamente e já excitada, com a companhia do estranho, disse que tudo bem desde que este local também tivesse um chuveiro, porque o calor estava me deixando toda molhada. Dito isso abri um sorriso, que não escondeu ao rapaz o que realmente eu queria dizer.

Ele animado perguntou se eu me incomodava em ir até a casa dele, que era próxima. Respondi que se fosse um local discreto, que sim.

Seguimos para o estacionamento e no carro dele seguimos direto para sua casa. Durante o pequeno percurso, fui alisando o pau do rapaz, que em segundos ficou duro e latejante. Mal entramos em sua casa e ele me cobriu de beijos e guloso foi me lambendo inteira. Pedi para ele parar por que estava suada, mas ele disse que não que queria sentir meu gosto e, gulosamente, levantou minha blusa e começou a chupar minhas tetas, pescoço e axilas, me deixando totalmente entregue.

Segurando sua rola, aos poucos fui me desvencilhando, me abaixei e comecei a praticar o exercício que mais adoro: chupar um pau. Um pau grande roliço, grosso, muito gostoso mesmo. Mas o cara estava tão animado, que acabou gozando me enchendo a boca de porra. Esperei ele acabar de gozar e após deixar escorrer o excesso pelo canto da boca, fomos para o banheiro para um merecido banho.

Mas nem deu tempo, o cara queria mais, esfregando a rola por trás de mim, me ajudou a tirar a roupa e na seqüência deitou no chão e me pediu para sentar em sua rola. Agachei sem pressa, deixando cada pedaço daquele pau gostoso entrar dentro de mim.

Metemos muito no banheiro, levantamos, sentamos no vaso, continuamos nossa transa, uma metida gulosa, voraz, me fazendo ter um orgasmo atrás do outro.

Depois de gozar pela segunda vez, aí sim fomos tomar banho e depois de muitos beijos e carícias, fomos para sua cama, onde terminamos a manhã, com uma trepada de deixar saudade.

Me lavei e voltei ao parque a pé mesmo, já que o gatinho estava desfalecido na cama. Foi uma transa deliciosa,regada de muito gozo.

Mesmo curtindo o garoto, preferi dar um tempo nas caminhadas, para não cruzar com ele novamente, porque apesar dele ser uma delícia, moramos muito perto e o risco de ser flagrada, é enorme, e como não curto correr riscos preferi abri mão temporariamente de meus exercícios e experimentar outros parques, para quem sabe talvez arrumar mais algum jovem gostoso, que pode ter entre 18 e 70 anos, basta saber chegar.

 

QUE TAL UM VIBRADOR COM CONTROLE PARA DAR UMA ANIMADA NO SEU DIA?

 

  1. nossa!!!que tentação meu bilausão até ficou duro, bom gozo 3 vezes e posso demorar se eu quiser 2 ou 3 horas
    batendo uma pra mim. se essa aí quer foder tanto assim com um pau
    grosso e grande ,por que ñ o meu, mediano 16cm e 14cm de grossura vai encarar?”!!!hehehe.. eu tenho muito mais fogo na “caçarrola”.ta a fim de foder comigo, roludo goza 3 paga 4 inesqueciveis ou mais”.

    rsrsrsr to só zuando, mas… se vc quiser bom…
    deixa pra lá…(na minha cabeça to doido pra foder sem parar)

    adorei a foda, tenho muito fogo tambem apesar de ter só 16 anos

  2. Muito exitante adoro essas historias.
    Eu fico exitada quando leio fico imaginando que e eu a personagen e uma delicia quando o conto e bem picante eu me masturbo pois ficom com tezao.

  3. NOSSA FIQUEI TODA MOLHADA SO D LER ESSE CONTO AMEI

  4. Tenho 26 anos sou casada e desde os 12 ou 13 faço sexo anal e gozo de ir as nuvens. Meu marido tem muito grande e ne sinto um pouco aberta atrás mas umas colegas ne ensinaram usar banhos com pedra ume para diminuir o tamanho do buraco e aparece que funciona mesmo. Tmb faço fora de casa, escondidissima, claro como as meninas do predio onde moro aqui em 0linda Pe.Tenho o bumbum muito grande arrebitado, chamativo e na praia então os hms ficam babando porque uso ultra mini micro fio dental só com um fino cordãozinho atrás e 4 ctm na frente mal cobrindo minha xana. 0 marido fica uma fera qndo faço topless e até as vezes vai embora me deixando sozinha rsrsrsrsrs.

  5. Gostei do conto mas faço a mesma coisa na vida real sabem? Vou na praia com um ultra mini micro e já fiz anal até dentro dagua. Só q fiquei muito ardida mas as amigas falaram que é assim mesmo por causa do sal da agua do mar.Meu marido não sabe q faço fora de casa, mas ele tem muito pequeno e demora muito a transar comigo além de reclamar q não uso sutian e que minhas saias são muito curtas. Q saco! 0s homens na rua não reclamam e até elogiam meus seios e meu corpo. Tenho 129 ctm de bumbum arrebitado atrevido e muito mas muito guloso mesmo rsrsrsrsr.0brigada pelo espaço.

  6. Gosto adoro amo de paixão sexo anal sabem? Tenho 23 anos e comecei bem novinha com uns primos e alguns coleguinhas deles e acho mesma que fiquei viciada, pois gozo de ir quase a loucura quando penetrada no bumbum de preferencia por bem grande rsrsrsrsr.Meu noivo não faz comigo porque acha que vai me machucar e por respeito pode? Não sabe ele que adoro ficar sentadinha em cima e rebolar feito maluca com um pauzão bem grande todo enterrado no meu cu que por sinal ja está um pouco largo, meio aberto não me deixando nem segurar um pum rsrsrsrsrs.

  7. Tenho 27 anos e faço sexo anal desde os 11 quando começei com um primo mais velho q eu e q morava em em minha casa.Minha mãe nem sonhava q eu colocava cenouras no cu e até pepinos, na época com bastante sabonete ou óleo de cozinha!As colegas de escola e do predio ja faziam naquele tempo e adoravam chegando mesmo a dizer que aumentava muito o tamanho do bumbum se a gente desse bem muito o q era motivo de disputa de quem usava o biquini menor atrás na praia hehehehehehe.Meu marido é um pouco fraco de cama sabem? Mas tenho uns “paqueras” fora de casa que me satisfazem direitinha e até dupla penetração comecei a fazer ha alguns meses e adorei. Minhas colegas q fazem me ensinaram e gozei tanto tanto tanto que quase me urinava toda ……..

  8. Faço sempre anal desde os 12 ou 13 anos e hoje com 27 ja casada adoro amo de paixão. Só

  9. Faço anal desde novinha, como muitas amigas e adoro. Acho até que sou viciada mesma porque todo dia faço!Sou casada tmb mas como trabalho, tenho tempo suficiente para fazer fora de casa sem gerar desconfiança. Ñ tenho e nem quero filhos. Meu marido tem muito grande, enorme e quando fazemos me leva a loucura de tanto prazer de uma penetração profundissima e muito forte o que levou, acho eu,minha ginecologista a conhecer que faço anal intensamente. Quando começei, com uns 13 anos, as meninas falavam que era muito legal que gostavam muito e que os meninos amavam. Estavam certas. Mas não falavam que viciava rsrsrsrsrs

  10. Sou casada tenho 25 anos e desde muito nova faço anal e adoro assim como meu marido, claro, q fica maluco qndo vê minhas marquinhas safadinhas de praia rsrsrs.Adoro fazer sentadinha em cima porque a penetração é total absoluta muito profunda e comando os movimentos de entra e sai daquele mastro enorme q ele tem, puxando até a pontinha do cabeção e enterrando de vez tudo no cu, rebolando feito maluca e gozando enlouquecidamente. Tenho muitos e muitos orgasmos fortes demorados seguidos, desde o inicio da penetração até quando ele explode de prazer bem fundo do meu cu me enchendo com aquela porra quentinha maravilhosa q depois fica escorrendo do meu cu. Minha colega fez, e isso é um sonho meu, dupla penetração anal!Ela é casada tmb e falou que no começo foi dificil, mas depois de se acostumar é quase a mesma coisa de quando fazemos anal pela primeira vez. Ela gozou tanto tanto tanto que desmaiou de tanto prazer!Estou esperando uma oportunidade, tipo uma viagem do marido, para fazer rsrsrs.Tenho verdadeira tara em anal e comecei com uns 11 anos depois de colocar os dedos, cenouras tubos de desodorantes…..resolvi então fazer com paus de verdade e na primeira vez foi um pouco complicado, só um pouco, mas depois, só prazer e muito prazer. Só q me sinto “um pouco” aberta atras entendem? Até minha ginecologista notou e falou para que parasse uns tempos na tentativa de ver se diminuia o tamanho, mas não consigo rsrsrs. Praticamente todos os dias faço ou em casa ou fora já q trabalho e tenho casa de praia muitas amigas casadas q tmb fazem, festinhas etc etc etc. Mas parar é dificil, principalmente quando fica viciada como eu.

  11. Tambem adoro anal desde que descobri o quanto é prazeiroso! Minhas colegas falavam e zuavam porque eu não fazia ainda mas quando experimentei gostei logo de cara, mesmo tendo doido na primeira vez. Hoje tenho 22 anos e comecei com uns 13 chegando a fazer praticamente todos os dias inclusive com coroas casados do predio e que tinham enorme o que, acho eu,me deixou maluca por paus grandes enormes. Gosto mesma de me sentir bem penetrada com o bumbum todo cheio rebolar bastante e sentir o gato derramar o leitinho bem dentro de mim rsrsrsrs. Tenho muitas amigas que adoram e algumas até acham que fazendo bem muito aumenta o tamanho do bumbum, pode? Se o meu aumentar mais vai ficar ridiculo rsrsrsrsrsrs

  12. Sou casada, tenho 25 anos e faço anal tmb, mas só que o marido parou porue começou a frenquentar uma igreja e fala q é pecado! Faço então fora de casa e sinto orgasmos muito fortes como as meninas falaram.Acho muito bom mesma o sexo anal.

  13. Faço sexo anal desde os 11 anos quando parei de enfiar coisas no cu. As meninas ja faziam e falavam maravilhas a respeito, mas o q está bombando mesmo hoje, é a dupla penetração. Já fiz e amei.

  14. Faço anal praticamente todos os dias e tenho orgasmos intensos duradouros e repetidos, principalmente se o gato é tipo bem dotado.Tenho 17 anos e comecei já está com uns seis ou sete anos assim como muitas amigas do prédio e escola porque adoramos mesmas.

  15. Tenho 15 anos e faço sexo anal ja há usn seis anos porque é bom de mais da conta e tenho orgasmos enormemente grandes. Meu gato atual tem um pau até razoável mas queria que fosse maior porque gosto de sentir meu cu inteirinho cheio, como as meninas falam aqui no bairro: entupidissimo kkkkkkkk.Já vi minha mãe fazendo anal com meu pai de madrugada e ela gozava muito com edle todo enfiado no cu dela. Me deu a maior vontade e tive de colocar um pepino dentro do meu cu para gozar tmb rsrsrsrsrs.

  16. claudiosorocabasp says:

    Procuro mulher ou casal de sorocaba e região para intensos momentos de prazer sexual, com educação, confiança, sigilo e responsabilidade.Tenho local para encontros no horário comercial durante a semana. Meu e mail é [email protected] Tenho rosto bonito, corpo musculoso, pele clara, cheiroso, culto, educado, quero proporcionar prazer mediante longas preliminares e demoradas penetrações. Vem gozar comigo posso comprar consolos gigantescos feitos em textura macia para testar seu limite anal…vc vai gozar alucinadamente pelo rabinho e voltar para casa arrombada

Deixe seu comentário

Premium Wordpress Themes Free Wordpress Themes